TROCA DE COMANO, Mano aceita oferta Shandong e deixa o Cruzeiro, que sonha com Diego Aguirre

0
15

Mano aceita oferta da China e espera acordo por multa para deixar Cruzeiro
Treinador deve fazer comunicado oficial à tarde a respeito do acerto com o
Shandong. Impasse na rescisão trava anúncio sobre a saída do clube mineiro

Técnico Mano Menezes durante treino na Toca da Raposa II (Foto: Pedro Vilela/LightPress/Cruzeiro)
Mano Menezes deixa o comando do Cruzeiro após três meses (Foto: Pedro Vilela/LightPress/Cruzeiro)

Após três meses no comando do Cruzeiro, está chegando ao fim a passagem de Mano Menezes pela Toca da Raposa. Na última semana de novembro, o técnico recebeu uma proposta milionária do Shandong Luneng, da China. Cuca era o treinador da equipe, mas, depois de divergências com a diretoria, rescindiu contrato. Os chineses, então, foram atrás de Mano, com uma oferta salarial que gira em torno de R$ 2 milhões mensais. O treinador já confidenciou a pessoas mais próximas que aceitou a proposta – a previsão é de que ele fale à imprensa somente após o treino da tarde.

No entanto, há um impasse: o pagamento da multa rescisória (em torno de R$ 7 milhões). Os chineses não estariam dispostos a pagar esse valor, que o Cruzeiro não abre mão. Mesmo que acerte a saída, Mano havia combinado de comandar o time domingo, contra o Internacional.

Diante do impasse, o Cruzeiro trabalha nos bastidores, e o nome do uruguaio Diego Aguirre ganhou força nesta quarta-feira.

Mano Menezes assumiu o time no início de setembro. O treinador substituiu Vanderlei Luxemburgo, demitido após três meses de trabalho e uma campanha que deixou o time correndo risco de rebaixamento no Campeonato Brasileiro.

Na chegada, Mano viu o auxiliar Deivid comandar o Cruzeiro na vitória sobre a Ponte Preta, por 2 a 1, em Campinas. O treinador estreou, efetivamente, na goleada da Raposa diante do Figueirense, por 5 a 1, no Mineirão, pela 23ª rodada do Brasileirão.

Em 15 jogos sob o comando de Mano, o Cruzeiro teve oito vitórias, seis empates e apenas uma derrota, com 27 gols marcados e onze sofridos. Mesmo sem conseguir a vaga para a Taça Libertadores 2016, o técnico emplacou a sequência de 13 jogos sem derrotas do time celeste no Brasileirão, novo recorde de invencibilidade da Raposa na competição.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/futebol/times/cruzeiro/noticia/2015/12/mano-aceita-oferta-da-china-e-espera-acordo-por-multa-para-deixar-cruzeiro.html