Na mira do Corinthians, André tentará romper contrato com o Atlético-MG

0
56
André disputou o Campeonato Brasileiro de 2015 pelo Sport (Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

Centroavante e empresário Fernando Garcia vão manifestar nos próximos dias o desejo de deixar o Galo. Destino mais provável do jogador é o Timão

Depois de não aparecer na reapresentação do elenco, nesta segunda-feira, na Cidade do Galo, o atacante André pode deixar o Atlético-MG. O jogador tem negociações avançadas com o Corinthians e pretende discutir nos próximos dias a saída do Galo.

O acordo com o Timão vem sendo costurado desde as últimas rodadas do Campeonato Brasileiro. Destaque do Sport no torneio, André tem a carreira agenciada por Fernando Garcia, conselheiro do Corinthians e amigo do superintendente de futebol Andrés Sanchez – ele também é empresário de Walter, Uendel, Guilherme Arana, Marlone, Matheus Pereira, Malcom e Lucca no elenco corintiano.

A postura do clube paulista, porém, é de não entrar em atrito com o Atlético-MG. Caberá a André e a seu representante convencer os dirigentes mineiros a concordar com o rompimento. Segundo o Galo, o jogador justificou a ausência no primeiro treino do ano com um problema no voo que o levaria para a capital mineira.

Há duas alternativas para a saída do centroavante. A primeira, menos provável, é o rompimento amigável, sem o pagamento de multa. O Atlético-MG não abre mão de receber um valor pelos direitos econômicos, já que investiu mais de R$ 20 milhões na contratação do jogador em 2011. Os mineiros querem aproveitar a boa fase do jogador para, pelo menos, recuperar parte do dinheiro.

Numa segunda opção de negócio, o Corinthians até concorda em pagar, mas não quer uma quantia elevada. A alegação é de que o jogador está vinculado apenas até o dia 30 de junho e, neste momento, já pode assinar um pré-contrato com qualquer equipe. O Atlético pretende conseguir ao menos 17 milhões de reais.

Fernando Garcia usará como argumento que André não tem mais clima para vestir a camisa atleticana, principalmente depois de entrar na mira da torcida. O jogador não conseguiu render o esperado no clube e recebeu muitas críticas por seu comportamento fora de campo. Sem espaço, acabou emprestado ao Sport, onde brilhou.

Após o Brasileirão, o diretor de futebol do Atlético-MG, Eduardo Maluf, chegou a declarar que contava com André para disputar a Libertadores de 2016 e que gostaria de renovar o contrato dele. Neste período, o jogador e seu representante já conversavam com o Corinthians.

Tite e a diretoria do Corinthians querem um centroavante para a primeira fase da Libertadores. Por enquanto, dirigentes ouvidos pela reportagem garantem que não pensam na assinatura de um pré-contrato com André. Se ele não deixar o Atlético-MG, o clube diz que procurará outras opções no mercado. Hoje, Vagner Love é a única opção para o setor – Luciano ainda se recupera de uma cirurgia no joelho direito e Alexandre Pato não sabe se voltará ou se será negociado.

O Corinthians pretende fechar ainda nesta semana o elenco que vai iniciar a temporada. O clube está perto de sacramentar a contratação do meia Marquinhos Gabriel, ex-Santos. Até o momento, a equipe paulista buscou o goleiro Douglas e o meia Alan Mineiro, do Bragantino, e o atacante Marlone, outro que se destacou no Sport.

Fonte: http://globoesporte.globo.com/sp/futebol/noticia/2016/01/na-mira-do-corinthians-andre-tentara-romper-contrato-com-o-atletico-mg.html